Brotas


Home » Notícias de turismo » Brotas retoma turismo de aventura

Brotas, capital do turismo de aventura, reabre



20 de junho de 2020 - Drica Cestari

A Estância Turística de Brotas, a aproximadamente 250 km da capital paulista, retoma as suas atividades turísticas após mais de dois meses fechada aos visitantes. O procedimento de isolamento social adotado seguiu as orientações do governo do Estado de São Paulo, para conter a pandemia do novo coronavírus (COVID-19). Na ocasião, foi implementada uma barreira sanitária, que restringia a entrada de quem não tinha nenhum vínculo com a cidade.


Esta ação de retomada consciente está sendo possível depois que o governo do estado anunciou e lançou o Plano São Paulo de flexibilização para o funcionamento do comércio e serviços não essenciais. Protocolos sanitários foram produzidos, sob a supervisão do Gabinete de Combate ao Coronavírus da Prefeitura de Brotas, o que originou no Decreto Municipal nº 4.840/2020 - De 1º de junho de 2020, assinado pelo prefeito de Brotas, Leandro Corrêa, estabelecendo normas e diretrizes para a reabertura do comércio e dos serviços na cidade, para serem seguidas pela população, empresários e comerciantes de Brotas.

Centro da cidade de Brotas - São Paulo - Região Sudeste - BrasilCentro da cidade de Brotas (SP).

Um dos protocolos do Decreto Municipal diz respeito ao "Protocolo Sanitário Covid - 19 de operação das Atividades de Aventura de Brotas - SP", elaborado em parceria com a ABROTUR - Associação de Empresas de Turismo de Brotas e Região, que estabelece medidas preventivas para minimizar o contágio pelo novo coronavírus, a serem seguidas pelos parques e ecoparques. Este protocolo sanitário referem-se aos procedimentos nas atrações de aventuras, como rafting, boia-cross, tirolesa e rapel.

Entre as recomendações a serem adotadas está a limitação na capacidade de operação. Os parques turísticos somente podem operar com até 50% da sua capacidade total, incluindo seus bares e restaurantes. Os visitantes e colaboradores devem estar usando máscaras faciais todo o tempo, com exceção nas atividades aquáticas que, neste caso, exige um distanciamento de 3 metros entre as pessoas, ao invés da distância mínima recomendada de 1,5 metro, para quem estiver fazendo uso de máscara. Os visitantes também são notificados com conteúdos informativos nas áreas de circulação comum do ambiente sobre as práticas de higiene e procedimentos. Aliás, o empreendimento também deve oferecer aos clientes e funcionários recipientes de álcool gel 70% para a higienização das mãos e superfícies, em locais estratégicos e de fácil manuseio.

Passeio de Quadriciclo - Recanto das Cachoeiras - Brotas - São Paulo - Região Sudeste - BrasilPasseio de Quadriciclo no Recanto das Cachoeiras. O parque reabriu ao público seguindo protocolos de segurança e saúde.

No atendimento inicial, antes da prática de qualquer atividade de aventura, um funcionário deve perguntar sobre as condições de saúde do visitante e aferir a sua temperatura corporal.

Nas atividades específicas como rafting, por exemplo, cada bote acima de 13 pés pode comportar até quatro pessoas, além do condutor, ou até seis pessoas se forem membros da mesma família. Algumas manobras praticadas no bote, durante a descida do rio, como a "brincadeira do remo", "escorrega", "surf" também devem ser temporariamente suspensas para evitar aglomeração de pessoas e troca de equipamentos.

Hotéis, pousadas, agências e operadoras de turismo, bares e restaurantes e o comércio em geral também devem reduzir a capacidade de atendimento; manter o distanciamento mínimo seguro e o uso de máscara; fornecer ao público e aos colaboradores álcool em gel 70%; além de cumprir outros protocolos sanitários específicos de prevenção contra o vírus.

Pousada das Nascentes - Brotas - São Paulo - Região Sudeste - BrasilA Pousada das Nascentes reabriu para o público adotando novas regras e protocolos de saúde.

A Secretaria de Saúde e a ACIB - Associação Comercial e Industrial de Brotas, também formaram parceria para orientar e conscientizar comerciantes e empresários sobre os protocolos de limpeza, higiene e todos os cuidados necessários que devem ser adotados nos seus estabelecimentos para garantir a saúde dos clientes e funcionários. Ao término do curso, o aluno recebe o selo de empresa consciente. O selo para ser exposto em locais visíveis ao público, que qualifica a empresa pelas boas práticas de limpeza e higiene que garante a segurança dos visitantes e colaboradores.

De acordo com o Decreto Municipal, a responsabilidade do cumprimento das ações preventivas está sob a responsabilidade dos empresários, comerciantes e população de Brotas. A recomendação é que sejam adotados protocolos sanitários para evitar o novo fechamento do comércio e da prestação de serviços na cidade, caso seja constatado o aumento de casos de contaminação por coronavírus. Em julho, a Secretaria de Saúde fará uma nova avaliação da situação epidemiológica do município. Vamos torcer para que Brotas continue abertura para os turistas, e que essa pandemia passe logo, para o bem dos brotenses e de todos nós.

Artigo relacionado:

Que tal viajar para Brotas?

Compartilhe esta notícia:


Site oficial:

Site oficial da Prefeitura da Estância Turística de Brotas

Pessoas de máscara nas ruas
O uso de máscara facial é uma das exigências em muitos destinos de viagem.

A pandemia de COVID-19 já registrou mais de 7,8 milhões de casos em todo o mundo com mais de 430 mil mortes. No Brasil já foram registrados mais de 800 mil casos e mais de 41 mil óbitos. O COVID-19 é uma doença respiratória aguda causada pelo coronavírus da síndrome respiratória aguda grave 2 (SARS-CoV-2), contagioso entre seres humanos. A doença foi identificada pela primeira vez em Wuhan, na província de Hubei, na China, em 1 de dezembro de 2019, mas o primeiro caso foi reportado em 31 de dezembro do mesmo ano. Para mais informações de como se prevenir, saber os sintomas do coronavírus, como é transmitido, diagnóstico, como se proteger e ajudar a evitar a propagação de doenças respiratórias como o COVID-19 acesse a página oficial do Ministério da Saúde destinada ao novo coronavírus COVID-19.

Tags: Notícias de turismo | Notícias de viagem | Novidades no turismo | Matérias de turismo | Matérias de viagens | Viajar | Viagem | Viaje | Turismo | Brotas | Estância Turística de Brotas | São Paulo | Interior de São Paulo | Selo empresa consciente | Plano São Paulo | Hospedagem em Brotas | Gastronomia em Brotas | Agências de viagens em Brotas | Atrativos turísticos em Brotas | ACIB - Associação Comercial e Industrial de Brotas | ABROTUR - Associação de Empresas de Turismo de Brotas e Região | Atividades de Aventura em Brotas | Protocolo de limpeza, higiene e de segurança | Brotas capital do turismo de aventura | Turismo de aventura em Brotas

Saiba mais



Destinos para viajar na Baixa Temporada no Brasil - Economize nas viagens!


Que tal viajar na baixa temporada para economizar? Conheça 12 destinos para conhecer durante a baixa temporada para viajar mais barato. Em cada destino turístico existem a alta temporada (época do ano aonde existem atrações no local ou uma grande procura de turistas) e a baixa temporada (época onde os hotéis e atrações estão geralmente mais baratos devido ao menor número de visitantes). Veja no vídeo os meses do ano onde você pode visitar os destinos de seus sonhos no país economizando mais.

Compre aqui



Publicidade
Cadê meu Táxi? Veja as opções de táxi e aplicativos de transporte na sua localidade.


Busca




Cadastre-se Grátis

Para receber as informações gratuitamente do "Que Tal Viajar?" digite seu e-mail abaixo.


Após digitar seu e-mail no campo abaixo você receberá uma mensagem do Googlegroups.com (serviço de newsletters) na sua caixa de correio eletrônica pedindo a confirmação de seu e-mail.

Confirme a sua participação para receber a newsletter gratuita do site Que Tal Viajar.

Para mais informações da newsletter e cadastro clique aqui.