Longa duração na Tailândia


Home » Notícias de turismo » Tailândia aprova visto de turismo de longa duração

Tailândia lança visto de turismo de longa duração



05 de outubro de 2020 - Drica Cestari

O governo tailandês lança o visto de turista de longa permanência por até 270 dias.


A Tailândia deve reabrir aos visitantes estrangeiros neste mês. A medida chega para mitigar os danos ao setor de turismo, intensamente prejudicado pelas medidas anti-COVID-19. O país estava fechado para visitantes estrangeiros desde abril, quando impôs a proibição de viagens.

A indústria, agricultura e o turismo são os setores que mais contribuem para a economia do Reino da Tailândia. O governo tailandês prevê apenas 6,7 milhões de visitantes estrangeiros neste ano, após um recorde de 39,8 milhões em 2019. O setor representa 11,4% do PIB tailandês.

Tailândia lança turismo de longa duração
Tailândia lança turismo de longa duração - Banguecoque (também chamada de Bangkok ou Bancoque) é a capital e cidade mais populosa da Tailândia.

Os visitantes à Tailândia poderão estender por duas vezes o visto de 90 dias, disse a porta-voz do governo tailandês Traisulee Traisoranakul numa entrevista recente. Esta medida entrou em vigor em 1º de outubro e será válida até 30 de setembro de 2021.

A ideia do governo tailandês é permitir visitantes estrangeiros de países de baixo risco a partir de outubro. O setor de turismo local espera que este visto de turista de longa duração deva impulsionar o setor.

Até ontem, 04/10, a Tailândia relatou apenas 3.585 casos confirmados de COVID-19, com 59 óbitos. O país do Sudeste Asiático está em 139º lugar entre os 216 países e regiões que confirmaram casos do novo coronavírus e em 136º lugar no número de óbitos por coronavírus. De junho para cá a Tailândia registrou apenas duas mortes confirmadas por COVID-19.

O país asiático apresentou até agora um baixo número de contaminações do novo coronavírus. Curiosamente, a Tailândia foi o primeiro país fora da China a detectar o novo coronavírus, em um visitante vindo de Wuhan, em janeiro.

Os chineses são os primeiros turistas estrangeiros previstos para chegar à Tailândia depois da reabertura. Um voo da China marcará o reinício gradual do turismo no país. O primeiro voo teve cerca de 120 turistas de Guangzhou, voando diretamente para a ilha turística de Phuket.

O site do Diário do Governo anunciou que os turistas de longa duração terão permissão para entrar na Tailândia, depois que foi aprovada a medida em 15 de setembro.

De acordo com o edital, os estrangeiros que pretendem solicitar o Visto Especial de Turista devem: ser um estrangeiro de um país de baixo risco; concordar com os regulamentos aplicados pelo Ministério de Saúde Pública da Tailândia, incluindo uma quarentena de pelo menos 14 dias em hospitais ou hotéis indicados pelo governo; comprovar o pagamento ou a indicação de um lugar para ficar durante a quarentena e, posteriormente, a estadia de longa duração; comprovar o seguro de saúde e contra acidentes, que devem cobrir todo o período de permanência na Tailândia.

Aqueles que cumprirem as exigências acima poderão se inscrever para este visto nas embaixadas ou consulados tailandeses dos países selecionados. O visto de longa permanência para a Tailândia custa dois mil bahtes (cerca de 360 reais na cotação de hoje).

Antes do final do primeiro período de 90 dias, o visitante estrangeiro deverá apresentar um pedido para renovação e pagar a taxa. Se for aprovado pelas autoridades locais, os visitantes poderão renovar o seu visto por até duas vezes, totalizando 270 dias na Tailândia.

Barcos tradicionais na praia da Tailândia
As praias tailandesas são indispensáveis no roteiro de quem vai visitar este país asiático. O turismo de longa duração é uma das medidas lançadas para reavivar o turismo na Tailândia.

De acordo com o governo tailandês são esperados cerca de 1.200 turistas no primeiro mês, gerando cerca de um bilhão de bahtes (cerca de R$ 180 milhões) em receita e 14,4 mil turistas em um ano, gerando cerca de 12,4 bilhões de bahtes (cerca de R$ 2,2 bilhões).

O país asiático já havia apostado em ideias criativas para a retomada do turismo, como a iniciativa de transformar cerca de metade de suas prisões em atrações turísticas para aumentar o número de visitantes. Estas medidas (turismo carcerário e de longa duração) são uma maneira de o governo tailandês trazer de volta os turistas ao seu país.

Os brasileiros não precisam de visto de turismo e negócios para visitar a Tailândia, para estadias de até 90 dias, segundo a página do Portal Consular do Ministério das Relações Exteriores. Esta página contém uma lista com informações de todos os países que exigem ou dispensam vistos de turismo ou de negócios para cidadãos brasileiros que possuem passaporte comum.

Verifique sempre a possibilidade de ingressar neste país ou em outro destino, devido às restrições impostas pela pandemia de COVID-19.

Compartilhe esta notícia:


Artigo relacionado:

Que tal ir para a cadeia? Tailândia aposta no turismo carcerário para atrair mais visitantes

Site oficial:

Site oficial do Ministério do Turismo da Tailândia.

Pessoas de máscara nas ruas
O uso de máscara facial é uma das exigências em muitos destinos de viagem.

A pandemia de COVID-19 já registrou mais de 35 milhões de casos em todo o mundo com mais de um milhão de mortes. No Brasil já foram registrados mais de 4,9 milhões de casos e mais de 146 mil óbitos. O COVID-19 é uma doença respiratória aguda causada pelo coronavírus da síndrome respiratória aguda grave 2 (SARS-CoV-2), contagioso entre seres humanos. A doença foi identificada pela primeira vez em Wuhan, na província de Hubei, na China, em 1 de dezembro de 2019, mas o primeiro caso foi reportado em 31 de dezembro do mesmo ano. Para mais informações de como se prevenir, saber os sintomas do coronavírus, como é transmitido, diagnóstico, como se proteger e ajudar a evitar a propagação de doenças respiratórias como o COVID-19 acesse a página oficial do Ministério da Saúde destinada ao novo coronavírus COVID-19.

Tags: Tailândia | atrações turísticas | aumentar o número de visitantes | país asiático | restrições impostas pelos governos | novo coronavírus | COVID-19 | economia tailandesa | turismo na Tailândia | crise no turismo mundial | atrair turistas | destinos turísticos tailandeses | Tailândia aprova | visto de turismo de longa duração | visto de longa duração | até 270 dias | | visitantes estrangeiros | Reino da Tailândia | estender visto | setor de turismo | turista de longa duração | depois da reabertura | Visto Especial de Turista | quarentena | permanência | embaixadas da Tailândia | consulados da Tailândia | bahtes| baht | baht real | bahtes reais | baht dolar | baht euro | 270 dias na Tailândia | governo tailandês | Notícias de turismo | Notícias de viagem | Novidades no turismo | Matérias de turismo | Matérias de viagens | Viajar | Viagem | Viaje | Turismo

Saiba mais



Destinos para viajar na Baixa Temporada no Brasil - Economize nas viagens!


Que tal viajar na baixa temporada para economizar? Conheça 12 destinos para conhecer durante a baixa temporada para viajar mais barato. Em cada destino turístico existem a alta temporada (época do ano aonde existem atrações no local ou uma grande procura de turistas) e a baixa temporada (época onde os hotéis e atrações estão geralmente mais baratos devido ao menor número de visitantes). Veja no vídeo os meses do ano onde você pode visitar os destinos de seus sonhos no país economizando mais.

Compre aqui



Publicidade
Cadê meu Táxi? Veja as opções de táxi e aplicativos de transporte na sua localidade.


Busca




Cadastre-se Grátis

Para receber as informações gratuitamente do "Que Tal Viajar?" digite seu e-mail abaixo.


Após digitar seu e-mail no campo abaixo você receberá uma mensagem do Googlegroups.com (serviço de newsletters) na sua caixa de correio eletrônica pedindo a confirmação de seu e-mail.

Confirme a sua participação para receber a newsletter gratuita do site Que Tal Viajar.

Para mais informações da newsletter e cadastro clique aqui.