Argentina reabre


Home » Notícias de turismo » Argentina reabrirá suas fronteiras para turistas brasileiros e de outros países vizinhos em novembro

Argentina reabrirá suas fronteiras para turistas brasileiros em novembro



25 de outubro de 2020 - Drica Cestari

A Argentina reabrirá suas fronteiras aéreas com o Brasil e outros países da América do Sul a partir de 2 de novembro.


Sete meses após a confirmação do primeiro caso do novo coronavírus (COVID-19) na Argentina, o país vizinho iniciou os primeiros passos de reabertura de sua economia e das fronteiras com os países vizinhos.

Em novembro, a Argentina reabrirá para turistas brasileirosEm novembro, a Argentina reabrirá para turistas brasileiros.

A partir de 2 de novembro, poderão entrar na Argentina, apenas por via aérea, os visitantes do Brasil, Bolívia, Chile, Paraguai e Uruguai. Além dos voos comerciais, os uruguaios também poderão entrar na Argentina pelo Porto de Buenos Aires. Por enquanto, as fronteiras terrestres permanecerão fechadas para todos os países. Esta informação foi confirmada pelo ministro do Turismo e Esportes da Argentina, Matías Lammens, ao jornal La Nación.

Esta medida tem o intuito de retomar o turismo argentino. Assim como em todo o mundo, o turismo foi um dos setores mais afetados pela pandemia na Argentina. A reabertura da fronteira aos países vizinhos é um sinal de esperança para centenas de milhares de pessoas que dependem deste serviço no país.

Mais de 1,1 milhão de pessoas contraíram o coronavírus na Argentina, com mais de 28 mil óbitos, segundo os números mais recentes divulgados pelas autoridades sanitárias da Argentina. O país vizinho tem mais de 170 mil casos ativos, sendo quase cinco mil casos críticos. Em todo o mundo, a Argentina é o sétimo lugar em número de casos de coronavírus, 12º lugar em número de mortes, nono lugar em número de casos ativos e quinto lugar em número de casos críticos.

A Casa Rosada, um dos mais visitados monumentos turísticos de Buenos Aires, é a sede da presidência da República ArgentinaA Casa Rosada, um dos mais visitados monumentos turísticos de Buenos Aires, é a sede da presidência da República Argentina.

No ano passado, a Argentina recebeu 7,3 milhões de turistas, que injetaram seis bilhões de dólares em sua economia. Apenas em Buenos Aires, três milhões de turistas visitaram a capital argentina, com o ingresso de 2,5 bilhões de dólares no país. Os números do turismo na Argentina em 2020 certamente devem apontar uma queda colossal de receita e de visitantes.

Nesta primeira medida de abertura, a Argentina abriu suas fronteiras (apenas em via aérea ou marítima) aos países vizinhos. Dependendo do avanço da pandemia o país pode abrir para outros países da América do Sul e do Mundo para visitação. Além disto, o país também poderá reabrir no futuro próximo suas fronteiras terrestres, fechadas desde 20 de março, quando começou o isolamento social preventivo e obrigatório.

Para ingressar nas embarcações e voos para Argentina será necessário que cada turista apresente um teste PCR negativo, que detecta o Covid-19. Está sendo avaliada a necessidade da exigência de um novo tipo de teste na chegada à Argentina para evitar uma possível quarentena. Esta medida não deve ser necessária, por enquanto.

O Aeroporto Internacional de Buenos Aires-Ezeiza (Aeroporto Internacional Ministro Pistarini) estará apto a receber os turistas estrangeiros. Já o Aeroparque Metropolitano Jorge Newbery permanecerá fechado até dezembro para reformas.

A geleira Perito Moreno (Glaciar Perito Moreno) está localizada no Parque Nacional Los Glaciares, na Patagônia, sul da ArgentinaA geleira Perito Moreno (Glaciar Perito Moreno) está localizada no Parque Nacional Los Glaciares, na Patagônia, sul da Argentina.

Além das diversas atrações naturais, culturais e turísticas, os turistas dos países vizinhos poderão ser atraídos para a Argentina pela situação do câmbio local. O governo argentino quer que a entrada de moeda estrangeira no país ajude a recuperar a economia do país.

A decisão da reabertura das fronteiras argentinas para turistas estrangeiros deve ser homologada ainda esta semana, quando forem publicados os decretos correspondentes no Diário Oficial argentino.

As autoridades locais preveem que cheguem ao país pelo menos 50 mil brasileiros entre novembro e dezembro, como resultado desta reabertura. Também é esperado um aumento significativo de turistas do Uruguai e do Chile.

Os brasileiros não precisam de visto de turismo e negócios para visitar a Argentina para estadias de até 90 dias. Na Argentina, a entrada de brasileiros também é permitida com a Cédula de Identidade Civil (RG), segundo a página do Portal Consular do Ministério das Relações Exteriores. Esta página contém uma lista com informações de todos os países que exigem ou dispensam vistos de turismo ou de negócios para cidadãos brasileiros que possuem passaporte comum.

Verifique sempre a possibilidade de ingressar neste país ou em outro destino, devido às restrições impostas pela pandemia de COVID-19.

Compartilhe esta notícia:


Que tal viajar para a Patagônia Argentina?


A Patagônia Argentina é uma região repleta de belezas naturais localizada no sul do país. O território compreende cinco províncias argentinas: Rio Negro, Neuquén, Chubut, Santa Cruz e Terra do Fogo. Um dos cenários mais impactante é a vista da geleira Perito Moreno.


Veja também o especial: Que tal viajar para Buenos Aires?


Como se locomover em Buenos Aires
Como chegar a Buenos Aires
Como se locomover em Buenos Aires
Locomover-se de carro em Buenos Aires
Locomover-se de ônibus em Buenos Aires
Locomover-se de trem em Buenos Aires
Locomover-se de metrô em Buenos Aires

Onde passear em Buenos Aires
Onde passear em Buenos Aires
Onde comer em Buenos Aires
Compras em Buenos Aires
Cassinos em Buenos Aires
Museus em Buenos Aires
Parques e Jardins em Buenos Aires
Praças em Buenos Aires
Ruas e Avenidas em Buenos Aires
Shows de Tango em Buenos Aires
Teatros em Buenos Aires
Ao redor de Buenos Aires

Locais interessantes em Buenos Aires
Lugares interessantes em Buenos Aires
La Boca
Palermo
Plaza del Congreso
Plaza de Mayo
Puerto Madero
Recoleta
San Telmo
Tigre

Hospedagem em Buenos Aires
Onde se hospedar em Buenos Aires
Hotéis 5 estrelas em Buenos Aires
Hotéis 4 estrelas em Buenos Aires
Hotéis 3 estrelas em Buenos Aires
Hotéis 2 estrelas em Buenos Aires
Hotéis 1 estrela em Buenos Aires
Hostels em Buenos Aires

Como chegar a Buenos Aires
Como chegar a Buenos Aires de avião
Como chegar a Buenos Aires de barco
Como chegar a Buenos Aires de carro
Como chegar a Buenos Aires de ônibus
Como chegar a Buenos Aires de trem

Saiba mais sobre Buenos Aires
Antes de viajar para Buenos Aires
Dicas para viajar a Buenos Aires
História de Buenos Aires.
Cultura de Buenos Aires
Clima de Buenos Aires

Site oficial:

Site oficial do Ministério do Turismo e Esportes da República Argentina (em espanhol).
Medidas e protocolos para o setor do turismo na Argentina no contexto da emergência sanitária (em espanhol).

Pessoas de máscara nas ruas
O uso de máscara facial é uma das exigências em muitos destinos de viagem.

A pandemia de COVID-19 já registrou mais de 43 milhões de casos em todo o mundo com mais de 1,1 milhão de mortes. No Brasil já foram registrados mais de 5,3 milhões de casos e mais de 156 mil óbitos. O COVID-19 é uma doença respiratória aguda causada pelo coronavírus da síndrome respiratória aguda grave 2 (SARS-CoV-2), contagioso entre seres humanos. A doença foi identificada pela primeira vez em Wuhan, na província de Hubei, na China, em 1 de dezembro de 2019, mas o primeiro caso foi reportado em 31 de dezembro do mesmo ano. Para mais informações de como se prevenir, saber os sintomas do coronavírus, como é transmitido, diagnóstico, como se proteger e ajudar a evitar a propagação de doenças respiratórias como o COVID-19 acesse a página oficial do Ministério da Saúde destinada ao novo coronavírus COVID-19.

Tags: Argentina reabrirá suas fronteiras | turistas brasileiros | países vizinhos | novembro | fronteiras aéreas | 2 de novembro | turistas brasileiros poderão entrar na Argentina | via aérea | Bolívia | Chile | Paraguai | Uruguai | voos comerciais | uruguaios | entrar na Argentina | Porto de Buenos Aires | fronteiras terrestres | fechadas para todos os países | pandemia na Argentina | número de casos de coronavírus | autoridades sanitárias da Argentina | via aérea ou marítima | América do Sul | ingressar nos voos para Argentina | teste PCR negativo | quarentena | Aeroporto Internacional de Buenos Aires | Ezeiza | Aeroporto Internacional Ministro Pistarini | Aeroparque Metropolitano Jorge Newbery | fechado até dezembro | câmbio | governo argentino | decisão será homologada | Diário Oficial argentino | 50 mil brasileiros | entre novembro e dezembro | 90 dias | visto de negócios | Notícias de turismo | Notícias de viagem | Novidades no turismo | Matérias de turismo | Matérias de viagens | Viajar | Viagem | Viaje | Turismo

Saiba mais



Que tal viajar para Ushuaia? - Centro de Montaña Glaciar Martial


Que tal conhecer o Glaciar Martial (Geleira Martial) na Patagônia Argentina? O Centro de Montanha Glaciar Martial fica a poucos minutos do centro de Ushuaia, cidade no extremo-sul da Argentina. O acesso ao Glacial Martial é feito por uma estrada e, depois, por teleférico.

Compre aqui



Publicidade
Cadê meu Táxi? Veja as opções de táxi e aplicativos de transporte na sua localidade.


Busca




Cadastre-se Grátis

Para receber as informações gratuitamente do "Que Tal Viajar?" digite seu e-mail abaixo.


Após digitar seu e-mail no campo abaixo você receberá uma mensagem do Googlegroups.com (serviço de newsletters) na sua caixa de correio eletrônica pedindo a confirmação de seu e-mail.

Confirme a sua participação para receber a newsletter gratuita do site Que Tal Viajar.

Para mais informações da newsletter e cadastro clique aqui.